Segundo dia sem cigarro

Das minhas experiências este ano, a primeira semana é muito difícil. A vontade de desistir e “ser feliz” é crescente e aguda. Dos meus sintomas de abstinência noto: dor de cabeça, indisposição, tendência a irritabilidade, e uma leve depressão…

Já no café da manhã eu perguntei o Sergio: – Será que a gente tenta mesmo parar junto?

😦

Publicado por Keylla García

Terapeuta integrativa apaixonada por Acupuntura e Medicina Tradicional Chinesa. Estuda e desenvolve técnicas para o controle e alívio do estresse desde 2021. Escritora, bióloga, fotografa, videomaker, webdesigner... uma pessoa que segue, confiantemente, em direção aos seus sonhos.