Entre amigos que fumam

Neste final de semana tivemos a primeira prova do cigarro, a tentação do sexto dia sem o careta. No sábado fui almoçar na casa de um amigo fumante. Programa tranquilo, uma piscininha e um almoço preguiçoso… O dia estava maravilhosamente quente e convidativo. Antes de chegarmos comprei um pequeno estoque de balas (tic tac, mentos, halls…), estava imaginando que talvez fosse necessário uma distração.

Ele nos recebeu de sunga e uma latinha gelada de Itaipava. Deixar uma pessoa beber sozinha é algo contra os meus princípios rs. Dividimos algumas latinhas enquanto esperavamos uma outra amiga chegar. O Sergio preferiu não beber. Ficar sem beber no mínimo até o natal é a nossa meta para não vacilar e acabar tendo uma recaída.

No final da primeira latinha me veio uma vontade enorme de fumar, fiz uma pausa, chupei alguns tic tacs e a vontade passou. Não sou muito de balas, mas foi uma grande sacada para passar o dia em uma situação com tentações.

Publicado por Keylla García

Terapeuta integrativa apaixonada por Acupuntura e Medicina Tradicional Chinesa. Estuda e desenvolve técnicas para o controle e alívio do estresse desde 2021. Escritora, bióloga, fotografa, videomaker, webdesigner... uma pessoa que segue, confiantemente, em direção aos seus sonhos.