Vinte e oito

Quem conhece a sua virilidade
e preserva a própria feminilidade
é o abismo do mundo
Não se separa da Eterna Virtude
e volta a ser criança
Conhece a claridade e resguarda a escuridão
Seja exemplar de todas as coisas sob o Céu
Quem é exemplar para todas as coisas sob o Céu
e não desvia-se da Eterna Virtude
retorna à origem primordial
Conhece a honra e conserva a humildade
Sê como o vale na Terra
Ser como o vale na Terra é permanecer na Eterna Virtude
É retornar à simplicidade da madeira bruta
Ao entalhar a madeira, ela se torna útil
Porém, a pessoa sábia permanece na simplicidade
Dessa forma, seu entalhe não prejudica ninguém
Eis uma grande incisão sem aparentar corte algum

Adaptação livre de distinção de gênero, por Keylla García.