Como o estresse crônico modifica o cérebro e afeta sua rotina?

Oi Biscoitinhos 🥠 e Bolachinhas 🍪! Tudo bem por ai?

Sabia que quando o estresse se torna crônico na vida de uma pessoa ele afeta diretamente sua saúde e o bem estar? E sim, a pandemia da Covid-19 aumentou significativamente o numero de pessoas que sofrem com o estresse crônico. É por isso que incluir na rotina atitudes de autocuidado pode ajudar as pessoas a aliviarem a carga de estresse que experienciam no dia a dia.

Não é possível viver sem estresse, na verdade, um pouco de estresse faz bem. Quando uma pessoa supera um evento estressante ela se torna mais resiliente, mais confiante e fica satisfeita por ter conseguido superar aquele percalço.

Mas quando o estresse é muito grande ou quando o estresse se tona algo cotidiano (crônico) ele precisa ser tratado imediatamente. Esse estresse de repetição pode impactar muito o funcionamento do cérebro humano podendo desencadear problemas físicos e psicológicos.

O estresse crônico é o principal gatilho para a inflamação persistente no corpo humano. E a inflamação crônica, por sua vez cria o ambiente propício para problemas de saúde, e esta relacionada com o agravamento de inumeras doenças, incluindo diabetes, doenças cardíacas, doenças autoimunes, canceres e por ai vai…

Focando no que acontece no cérebro, o estresse de repetição torna a barreira que protege o cérebro da inflamação mais permeável e consequentemente o hipocampo (região relacionada com o aprendizado e a memória) sofre com isso. É por isso que pessoas estressadas relatam que estão esquecendo mais facilmente das coisas, esse processo inflamatório. também compromete a motivação e a agilidade mental de quem esta estressado.

Além disso, quando mantemos níveis elevados de hormônio cortisol no corpo por muitos dias favorecemos transtornos de humor e a redução do hipocampo. Os efeitos do estresse crônico também podem afetar os ciclos menstruais nas pessoas que menstruam.

A ciência e a medicina ocidental já comprovaram que o estresse crônico pode levar a casos de depressão, e a depressão é uma das principais causas de incapacidade no mundo. Além disso, quem já teve depressão uma vez tem mais chances de ter outro episódio quando esta estressado e o ciclo se repete…

E por último, mas não menos importante o estresse crônico altera substancias químicas no cérebro, como a serotonina, que é muito importante na regulação do humor e do bem-estar.

Um sintoma que aparece muito é a perturbação do sono e os quadros de insônia é por isso que cuidar da qualidade do sono é tão importante quando buscamos reduzir e aliviar a carga de estresse no dia a dia.

Essas modificações no cérebro comprometem as capacidades cognitivas das pessoas afetando as habilidade de planejamento e de solução de problemas. É comum as pessoas se verem obrigadas a assumir uma carga de trabalho cada vez maior seja no seu emprego ou na escola, consequentemente isso causa uma redução da sensação de realização e aumenta a suscetibilidade à ansiedade e depressão, num ciclo vicioso.

Quando vivemos sob estresse crônico, como foi o caso da pandemia, o estresse em si, pode forçar o cérebro a migrar para um sistema de hábitos que incluem comportamento de acumulação, e aumento de medos irracionais. Estes medos acabam por anular a capacidade básica de tomar decisões frias e racionais o que deixa as pessoas fragilizadas e mais vulneráveis.

Mas o que podemos fazer se estivermos sofrendo de estresse crônico?

🤸🏻‍♀️✨ Movimentar-se, praticar exercícios físicos regularmente combate a inflamação ao favorecer uma resposta antiinflamatória internamente no corpo. Além disso promove a formação de novas células cerebrais no hipocampo, e de quebra melhora o humor e a cognição (capacidade de adquirir novos conhecimentos).

🤸🏻‍♀️✨ Tempo de qualidade com seu ciclo social (família, amigos, vizinhos, colegas de trabalho…) – relaxar e interagir com estas pessoas é uma distração que ajuda a reduzir a sensação do estresse.

🤸🏻‍♀️✨ Estudar algo que você goste é um método contra-intuítivo que funciona assim: quando aprendemos algo novo aumentamos as reservas cognitivas no cérebro, criamos um estoque de habilidades mentais e este hábito fornece uma certa proteção quando experienciamos eventos negativos.

🤸🏻‍♀️✨ Meditação e atenção plena são técnicas que trabalham a habilidade de permanecer focado no momento presente, comprovadamente aliviam o estresse, ansiedade, depressão e melhoram a qualidade do sono.

🤸🏻‍♀️✨ Fazer um trabalho voluntário, ajudar alguém ou alguma causa com a qual você se importe ativa o sistema de recompensa no cérebro e aumenta os sentimentos positivos em relação a vida.

É muito importante perceber quando passamos por experiências estressantes ou vivemos períodos estressantes, o tratamento precoce do estresse é a chave para bons resultados. Lembre-se que misturar as atividades descritas acima é crucial para melhorar o humor, a qualidade de seus pensamentos e sua saúde física.

E você não precisa esperar até se sentir sobrecarregado. Pode começar a aliviar o estresse à partir de hoje, fazendo por você, pelo menos uma coisa para aliviar o estresse no dia!

Fonte: